segunda-feira, 18 de maio de 2015

Resenha: Cidades Mortas, Dêner B. Lopes

Título: Cidades Mortas
Autor: Dêner B. Lopes
Editora: Chiado Editora
Páginas: 204
SKOOB

Livro cedido pela editora

"Cidades-Mortas" se passa num Brasil futurista chamado Lisarb. Conta a história de Arthur Noah, um rapaz medroso e esquelético que teme mais que tudo ser escolhido para ser um dos participantes desde que é um dos maiores reality show brutal do mundo; o Cidades-Mortas, onde a elite escolhe, por votação, 20 jovens para serem perseguidos por soldados-robôs do governo programados para torturar até a morte qualquer humano à frente. E de uma maneira nada convencional, Arthur estará entre eles.Com uma ditadura fututurista nunca antes retratada na literatura nacional contemporânea, Dêner B. Lopes apresenta ao leitor um mundo não tão distante quanto pensamos estar.
Ano 2050, o Brasil é chamado de Lisarb, e dividido em Cidades-Setores, e uma vez ao ano acontece o Cidades-Mortas, um reality show onde 20 jovens entre 15 e 18 anos são forçados escolhidos pela elite para participar.

Arthur Noah é um garoto de 16 anos, ruivo, magricela e muito medroso que é um dos jovens mais cotados para participar do reality.
Sem família, Arthur vive num orfanato, seguindo regras super rígidas até um dia, ás vésperas da escolha dos candidatos para o Cidades-Mortas e ao ajudar um homem que nunca viu na vida, como recompensa Arthur acaba sendo preso, o que apesar de ruim, para ele é de certa forma um alívio, pois os presos não podem ser escolhidos para o reality.

Quando os participantes para o Cidades-Mortas são anunciados, Arthur fica mais que aliviado ao ver que seu nome não está entre os selecionados, mas após uma ousada tentativa de fuga, ele e seu companheiro de cela, o odioso William acabam caindo dentro da Cidade-Morta onde ocorrerá o reality show.

Agora Arthur terá que enfrentar seus medos e lutar pela sua sobrevivência. Será que ele consegue sair dessa vivo, covarde como ele é? O que os organizadores do Cidades-Mortas farão com o "intruso"?
Um... dois... três... dez... vinte... trinta... quarenta soldados-rôbos (sem contar os que vinham brotando tanto das duas esquinas). Todos - todos- olhavam para cima. Para mim.
Depois de me decepcionar com dois livros, peguei CM para ler sem expectativas e me surpreendi positivamente.
Adorei o livro, li em algumas horas apenas.

Como devem ter percebido, o livro é uma distopia, fala sobre o governo, mas também aborda temas como uso de drogas e preconceito racial, mas a maior parte é focado no que o Arthur passa durante toda essa jornada dele.

Lembra um pouco Jogos Vorazes, mas o cenário que o Dêner trouxe é bem diferente, é totalmente tenso, e o reality show é diferente dos Jogos Vorazes.

Imaginem os jovens em uma cidade deserta, com casas desocupadas, lá poderão encontrar mantimentos. Ou não.
Muitas armadilhas estão espalhadas também, além dos soldados-robôs. Milhares deles são soltos, programados para torturar, matar.

Não vou falar dos personagens secundários aqui para não dar spoiler, mas eles tem papéis muito relevantes na trama.

O livro é narrado em primeira pessoa pelo Arthur, dividido em 5 partes e 41 capítulos com prefácio do Renato C. Nonato, autor de Terras Metálicas.
Gostei bastante da escrita do Dêner e super recomendo a leitura de Cidades Mortas.

Enfim é isso. Cidades Mortas é uma distopia nacional que trata de alguns temas polêmicos e trás um reality show cruel, e de leitura fácil e rápida e com um final de fazer qualquer leitor querer matar o autor hahaha!
-Agora a gente morre.
Beijos


34 comentários:

  1. Pra ser sincera, o enredo do livro me lembrou muito Jogos Vorazes e, não me prendeu também. Apesar de cenários diferentes, a distopia tem o mesmo propósito aparentemente, Não me despertou interesse, mas fiquei maravilhada com a sua resenha.
    http://www.leituradascinco.com/

    ResponderExcluir
  2. Olha, lendo a resenha, o livro me parece uma cópia de Jogos Vorazes. Nesse caso, é melhor ficar com o original... Agradeço pela dica, sua resenha ficou maravilhosa, mas o enrendo não me cativou muito. :(
    http://www.poesianaalma.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Não curtir muito a sinopse, nem o enredo do livro... Jogos Vorazes, é jogos vorazes. Contudo, ele tem um aspecto bem particular e acho legal, essas coisas futuristas chama minha atenção. Porém acho que não ficaria feliz com a leitura. Gostei da sua resenha, muito boa!

    ResponderExcluir
  4. Nossa, parece jogos vorazes?? kkkk
    Pra mim é Jogos vorazes um pouco modificado.
    Não sei se eu conseguiria ler sem acabar comparando, dai o livro teria que ser realmente muito bom pra eu gostar.
    ;**

    www.saladadelivro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. OIe! Realmente pela sua resenha, ela lembra Jogos Vorazes. Como sempre sua resenha está fantástica, mas não sei se iniciaria a leitura.
    Um grande Beijo!
    Blog Cheiro de Livro Nacional

    ResponderExcluir
  6. Gente, é distopia já quero ler! Gostei de saber que é um pouco parecido com jogos vorazes, mas que o autor colocou sua própria essência no livro.
    Adorei mesmo a trama, quero muito conhecer a história!
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  7. Oi oi!
    Pela tua resenha realmente lembra Jogos Vorazes, mas ainda assim fiquei bem curiosa e leria, mas teria que ser realmente bom demais, porque comparações seriam inevitáveis hahahahahaha
    Vou ver se compro....
    Beijão!

    ResponderExcluir
  8. Gente que capa é essa? apaixonei kkkk amei a premissa do livro, eu iria amar ler.

    http://mylittlegardenofideas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Como o protagonista sou bem medrosa e acho que não leria o livro
    Tadinho só tem 16 anos e vai passar maus bocados
    Ainda não li nenhum livro do gênero justo por esse medo
    Mas vou anotar a dica já que gostou tanto
    bjs

    ResponderExcluir
  10. Gosto muito de distopias, esta eu não conhecia.Bom saber que é nacional, vou dar uma olhada com certeza.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  11. Olha amiga eu não sou muito chegada nesse tipo de livro não.
    Eu sinceramente nem compraria pra vc ter uma ideia.
    Mas tem quem goste né? Achei que você desenvolveu muito bem sua resenha, mas
    eu sou bastante medrosa e nem chego perto hahaahah

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2015/05/resenha-daisy-esta-na-cidade-olha-o-que.html

    ResponderExcluir
  12. Oláá
    Poxa, que resenha legal, adorei o enredo do livro, pois amo histórias assim mais tensas haha assim como filmes, com certeza irei ler se tiver oportunidade hehe

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Os livros estão começando a ficarem muito parecidos e talvez um ponto chave seja o que ganhe o leitor. Gostei da sua resenha , o livro me pareceu bem interessante. E cheio de ação.
    Mais confesso que não leria pela capa se tivesse que escolher kkkk
    beijinhos

    Mãe,tô escrevendo

    ResponderExcluir
  14. Primeira resenha que me fez ficar com vontade de ler esse livro.

    Eu tinha uma ideia muito forte de que seria MUITO parecido com Jogos Vorazes, mas agora que você esclareceu fiquei um pouco mais tranquilo.

    A narrativa é ágil? isso é uma coisa que eu considero de suma importância em livros de ação!

    Gostei bastante da resenha e espero ler esse livro em breve!

    Beijos,
    http://www.lanaminhaestante.com/

    ResponderExcluir
  15. Uuuuhhhhhhh... O quê estou fazendo que ainda não li esse livro? Tem tudo o que eu gosto!
    Adorei sua resenha.

    http://umreinomuitodistante.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Oi,
    Sou meio medrosa pra livros assim, mas acabo não resistindo distopias rs, mesmo vendo a semelhança de JV (que por sinal ainda não li) eu leria o livro, ainda me recordo de ler um distopia nacional e aqui encontramos uma das boas.
    Dica anotada.
    Beijos



    Mari - Stories And Advice

    ResponderExcluir
  17. hmmm uma distopia, interessante, mas esse negocio de reality me fez lembrar de Jogos Vorazes mesmo.
    Pelo prefácio do Renato já me ganhava, amei Terras metálicas, mas uma blogueira roubou meu exemplar no book tour, tenho ódio só de lembrar.
    Beijos
    Conversas de Alcova ❤

    ResponderExcluir
  18. Oi ^^
    O livro parece ser bacana, gostei da premissa dele!
    Apesar de ter lido alguns comentários que o comparavam a jogos vorazes, tua resenha me fez ver que ele vai muito além disso, que tem coisas únicas e bem diferentes!

    bjs

    ResponderExcluir
  19. oie! tdo bem?
    que bacana! adoro livros nacionais... uma pena ele ser narrado em primeira pessoa, eu particularmente não gosto muito. acho que empobrece a amplitude da visão da história!

    Beijos,

    Juliana Garcez | Livros e Flores

    ResponderExcluir
  20. Olá; se eu iria querer matar o autor no final da leitura, não seis se ia gostar muito do livro, rsrsrs. Gostei bastante da resenha, ainda não conhecia o livro.

    petalasdeliberdade.blogspot.com

    ResponderExcluir
  21. Oi, tudo bem?
    Não conhecia o Livro Cidades Mortas, mas fiquei bem interessada por ele agora que li sua resenha!
    O livro parece ter um clima bem tenso e até um pouco assustador e isso me agradou bastante! O fato de ser uma distopia também fez com que eu me interessasse bastante por ele!
    Fico feliz que tenha gostado dessa leitura!

    Beijos :*
    http://livrosesonhos.com/

    ResponderExcluir
  22. Oi, adorei a sinopse logo de cara, mesmo me lembrando bastante jogos vorazes. E o nome do Brasil num futuro distante é a mesma de uma banda que foi na minha igreja, ahaha
    gostei de como o livro aborda o governo e assuntos importantes como racismo e drogas. Amei como a distopia ocorre no Brasil! Sempre em outras distopias fico pensando o que ocorreu com nosso pequeno país.
    Gostei bastante da premissa do livro!
    Beijos
    cheireiumlivro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  23. Gostei da sua resenha e fiquei curioso para ler este livro, irei fazer a solicitação para a editora, pois já estou mega curioso, na verdade, já li várias resenha positivas sobre este livro e quero lê-lo! Sua resenha está muito bem feita!

    Abraços e até!

    http://lendoferozmente.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  24. Olá,
    Como você disse parecer com Jogos Vorazes já não me chamou muito atenção.
    E a temática do livro não me despertou interesse.

    ResponderExcluir
  25. Ainda não li nenhuma distopia, não que eu me lembre, apesar de ter duas series na estante, mas fiquei curiosa pela sinopse e mais ainda lendo a sua resenha.

    Anotei a dica e parabéns pela resenha.

    bjs

    ResponderExcluir
  26. Oi Angélica!
    Infelizmente não consegui me sentir atraído por Cidades Mortas devido a essa aparente proximidade de Jogos Vorazes. Quem sabe um dia a curiosidade me vença e eu acabe dando uma chance pro livro né!
    Beijos!

    Rafaela, Eterna Leitora.
    www.eterna-leitora.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  27. Oi, tudo bem?
    Eu não costumo ler livros assim e enquanto lia sua resenha fui lembrando de outras histórias, sabe? Mas ainda sim fiquei curiosa, acho bem interessante essas histórias sobre realits shows e pelo visto esse livro vale a pena, né?

    Beijos :*
    Larissa - srtabookaholic.blogspot.com

    ResponderExcluir
  28. Ola, tudo bem?
    Acho que pode ser un livro interesante. Vou ponhelo na lista para leituras.
    Adorei a capa e a sua resenha.
    Boas leituras e beijos de Espanha! :)
    http://abracalibro.blogspot.com.es

    ResponderExcluir
  29. Olá!
    Gostei bastante da premissa, ainda que pareça Jogos vorazes, mas Jogo vorazes também é uma cópia modificada, então...
    Vou anotar e espero ter oportunidade de ler em breve!
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  30. Nunca tinha lido sobre esse livro antes, gostei da premissa! Não sou lá muito fã de distopias não, mas daria uma chance a esse livro, apesar de ter achado a história meio parecida com Jogos Vorazes, sei lá. Gostei muito da sua resenha! :)
    Beijos
    http://umaleitoravoraz.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  31. sinceramente, estou bem cansada de obras situadas em futuros distantes e principalmente de jogos de vida ou morte. Por melhor que o livro possa ser, não leria pela sinopse.
    Adorei a resenha!

    www.thunderwave.com.br

    ResponderExcluir
  32. Olá, tudo bem?

    Hum, não sei se leria esse livro, a sinopse dele não me interessou muito, quem sabe um dia.

    Beijo!
    Livros & Tal [ http://livrosetalgroup.blogspot.com.br/ ]

    ResponderExcluir
  33. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  34. Oi, tudo bem?
    Realmente, o livro lembrou muito Jogos vorazes, bom saber que o cenário é diferente, mas o fato da ideia ser quase igual incomoda. Mas só lendo para saber
    Eu gosto de distopias, e até agora só li uma nacional, então poderia dar uma chance a essa.
    beijos
    http://meumundinhoficticio.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Copyright © A. Libri | Layout e personalização por VR Design