segunda-feira, 14 de julho de 2014

Cinquenta Tons do Sr. Darcy - Emma Thomas

"Imagine Elizabeth Bennet e o sr. Fitzwilliam Darcy, protagonistas de Orgulho e preconceito, deixando de lado a moral e o recato e dando vazão a seus desejos mais ocultos de forma mais pervertida que Christian Grey e Anastasia Steele, personagens de Cinquenta tons de cinza. O resultado: Cinquenta tons do sr. Darcy, a incrível e hilária paródia escrita por um famoso inglês sob o pseudônimo de Emma Thomas. "

"Apesar de sua família não ter muitos recursos, Elizabeth Bennet foi educada para ser uma verdadeira dama: conversa sobre os mais variados assuntos e é muito respeitada. Além disso, é linda. Mas, quando Jane, uma de suas irmãs, é cortejada pelo sr. Bingulin, que acaba de chegar à cidade com um amigo, Lizzy tem a oportunidade de conhecer o sr. Fitzwilliam Darcy.
De cara, a atração é mútua; mas, apesar de Elizabeth ter o estilo de vida padrão de uma mulher do século XIX - coleciona conchas, borda, adora recitais de espineta -, ela se deixará levar para o mundo secreto do sr. Darcy: práticas sexuais lascivas e luxuriosas - grampos de mamilos, bolinhas tailandesas, vibradores. Ah, nada disso existia na época? Não importa.
O sr. Darcy deixa tudo às claras e não faz declarações de amor. Na verdade, suas intenções são explícitas desde o início: "Não faço amor srta. Bennet. Eu transo, eu como, eu fodo, eu trepo." Mas até a mais inocente e bem-educada heroína romântica tem seus impulsos, e, quando Lizzy descobrir que um chicote de equitação não serve apenas para galopar, um novo mundo e  preto e couro se revelará. Ela tentará salvar o sr. Darcy deste universo de perversão e plugues anais extragrandes, mas um homem tão fora de rumo terá salvação?"

Unir duas histórias tão diferentes é um tanto inusitado, e apesar de não ter lido 50 Tons de Cinza, apenas Orgulho e Preconceito, simplesmente adoro paródias, e essa me fez rir demais.
O sr. Bingley vira sr. Bingulin, o sr. Collins, vira Phil Collins (isso mesmo, o cantor).
A sinopse já diz tudo que é necessário sem fazer perder a graça.
Pra quem quer boas risadas é uma ótima dica.
Todo o recato de Orgulho e Preconceito vai para o espaço com as conversas de Lizzy e sr. Darcy, que são bem cabeludas (kkkkkk)...
 A sra. Bennet continua sem noção, as meninas são umas periguetes...


Espero que tenham gostado da dica...
Bjs e até a próxima...



11 comentários:

  1. É parece ser bem engraçado msm, ainda mais Qdo vc já conhece as histórias reais

    ResponderExcluir
  2. Mas gente! Ri sozinha aqui :P Inusitado mesmo, tanto o título quanto a proposta! Vou apresentar para umas amigas que gostam da Jane Austen e esperar as reações...

    bjos,
    Bianca.

    www.blogsomaisum.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Adoro livros engraçados . Boa dica. Vou colocar na lista

    abraços

    Joyce

    ResponderExcluir
  4. kkkkkk que demais!! fiquei megaaa curiosaaa, ainda mais pq eu li a trilogia, agora eu quero saber! ahahah
    beijoss

    ResponderExcluir
  5. Eu acho que fui a única que não curti o 50 tons de cinza esperava algo mais, talvez esse seja mais divertido.

    ResponderExcluir
  6. Não a história real, mas esse parece ser engraçado haahahahha vou leer!

    ResponderExcluir
  7. Eu adoro estórias picantes e ainda mais quando vem acompanhado de uma sátira a um sucesso das livrarias.
    Muito legal.
    Bjks
    www.maevaidosa.com

    ResponderExcluir
  8. Adoroooo .. já estou morrendo de vontade de ler ... alias todas da série .. amei .. na minha lista ..valeu a dica .. bjs

    Roberta Aquino
    Diário de uma Princesa

    ResponderExcluir
  9. UHUAHuahuHAUhuaH Senhor Bigulin??? CHOREI!

    Necessito desse livro!

    ResponderExcluir

 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Copyright © A. Libri | Layout e personalização por VR Design