Resenha: Depois Daquela Montanha, Charles Martin

Título: Depois Daquela Montanha
Título Original: The Mountain Between Us
Autor: Charles Martin
Editora: Editora Arqueiro
Páginas: 304
Compre: Amazon | Saraiva | Submarino
Livro cedido pela editora para resenha
O Dr. Ben Payne acordou na neve. Flocos sobre os cílios. Vento cortante na pele. Dor aguda nas costelas toda vez que respirava fundo.
Teve flashes do que havia acontecido. Luzes piscavam no painel do avião. Ele estava conversando com o piloto. O piloto. Ataque cardíaco, sem dúvida.
Mas havia uma mulher também – Ashley, ele se lembra. Encontrou-a. Ombro deslocado. Perna quebrada.
Agora eles estão sozinhos, isolados a quase 3.500 metros de altitude, numa extensa área de floresta coberta por quilômetros de neve. Como sair dali e, ainda mais complicado, como tirar Ashley daquele lugar sem agravar seu estado? À medida que os dias passam, porém, vai ficando claro que, se Ben cuida das feridas físicas de Ashley, é ela quem revigora o coração dele. Cada vez mais um se torna o grande apoio e a maior motivação do outro. E, se há dúvidas de que possam sobreviver, uma certeza eles têm: nada jamais será igual em suas vidas.
Publicado em mais de dez países, Depois Daquela Montanha chegará às telas de cinema em 2017, com Kate Winslet (de Titanic) e Idris Elba (de Mandela) escalados para os papéis principais de uma história que vai reafirmar sua crença na vida e no poder do amor.

Ben Payne é um ortopedista que está voltando para casa após um congresso.
Ashley é uma jornalista que está de casamento marcado para os próximos dias e está voltando também após uma viagem de trabalho.

Os dois nunca tinham se visto na vida, e se conhecem no aeroporto, mas por conta de uma tempestade que está se aproximando, o vôo que ambos estavam esperando (para o mesmo destino) é cancelado, e com a pressa para chegar logo em casa, acabam fretando um pequeno avião. Com sorte conseguiriam escapar da tempestade.

Mas as coisas não saem como o esperado, e Grover, o piloto sofre um ataque cardíaco e o avião cai.
Eles acabam no meio do nada, a aproximadamente 3.500 metros de altitude, completamente isolados e sem comunicação, feridos e com pouco alimento.
Quando o pior é uma possibilidade, é bom mantê-lo em perspectiva. Sem que a gente se esconda dele. Sem fugir. Ele pode acontecer. E, se e quando acontecer, é melhor ter pensado nele de antemão. Desse jeito, a pessoa não é esmigalhada quando o pior se torna realidade.
O estado da Ashley é bem pior que o de Ben, e ele precisa tirá-la de lá sem agravar o estado dela, tentar encontrar algo para se alimentarem e tem a questão do aquecimento, que é até difícil dizer se é o maior ou menor problemas dada a situação em que se encontram.
E eles também estão acompanhados do cachorro de Grover, que também sobreviveu à queda do avião.

Paralelo à situação deles, Ben vai contando sua história, relembrando o passado, o relacionamento difícil com o pai, como conheceu Rachel, sua esposa, mas ele esconde algo no que diz respeito à sua família.
Ele carrega uma dor, e não revela para Ashley o que aconteceu, e nós só descobrimos ao longo do livro também com os relatos dele.

O livro é fantástico!!
Além da agonia por tudo o que eles passam, e principalmente o medo do cachorro morrer (porque os humanos podem morrer mas o cachorro não, rs) e o medo de acabarem comendo ele também, tem essa aura de mistério sobre a família do Ben.

A Ashley encara a situação super bem apesar de tudo, da dor, da privação de comida e do café que ela ama, e ela mantém um bom humor que é fundamental para que Ben não desista.


Em alguns momentos achei tudo um tanto parado, mas no meio do nada e cercados apenas de neve não há muita coisa pra acontecer né? E em alguns outros várias coisas aconteciam em sequência, mas ficou bem equilibrado, e a leitura fluiu super bem.

A história é narrada em primeira pessoa pelo Ben, e gostei bastante da escrita do Charles.

Um livro lindo que fala sobre perdas, recomeço, perdão, não perdoar alguém, mas perdoar a si mesmo, e segundas chances, e como nem todo munda tem essa chance.

O final é bem emocionante, e gostei muito de como tudo aconteceu, e chorei muito quando algumas revelações foram feitas.

E a adaptação já está sendo filmada com a Kate Winslet e o Idris Elba no elenco! Já estou ansiosa!!


- Você e eu... nunca chegamos a terminar de verdade a nossa conversa, mas uma coisa eu posso lhe dizer: viver com o coração partido é viver semimorto, e isto não quer dizer que o sujeito esteja meio vivo. Quer dizer que está meio morto. E... isso não é jeito de viver.






15 comentários:

  1. Que máximo! Fiquei com a impressão de que esta é daquelas histórias que a gente dá boas risadas. Mas também traz algumas boas reflexões. Já anotei aqui para saber mais. srsr

    Beijinhos!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É muito bom esse livro Vanessa! Você vai adora. :)

      Excluir
  2. oi
    Vi o livro nos lançamentos da editora e não senti muito interesse, vendo sua resenha, percebi que não sou o público alvo, o enredo não me chamou atenção e você dizendo que é parado, menos ainda.

    ResponderExcluir
  3. Nunca tinha me ligado nesse livro. Legal que você gostou e se surpreendeu com a leitura, ainda que a tenha achado parada em alguns momentos. Eu ando achando difícil engatar em qualquer leitura por esses dias, mas fiquei interessada pelo livro depois da sua resenha :3

    ResponderExcluir
  4. Oi! Eu também li esse livro e achei a escrita dele muito boa.
    Mas quem diria que aquilo tinha acontecido com ele não é mesmo? Me deu um nó na garganta quando descobri, fiquei pensando "Não pode ser, coitado" e só de ver como tudo resolveu me tranquilizou.

    Ótima resenha! Atenciosamente Um baixinho nos Livros.

    ResponderExcluir
  5. Oiii Angélica, tudo bem?
    Fiquei apaixonada pela sua resenha garota, é um livro meio diferente do que costumo ler ultimamente, mas quem sabe seria uma ótima pedida, além do mais a capa está ótima.
    Beijinhos da Morgs!

    ResponderExcluir
  6. Olá , acho que essa é a primeira resenha que leio desse livro, que já tinha chamado a minha atenção pela capa e pelo título. Fiquei curiosa para ler e descobrir como os personagens vão se livrar dessa situação super complicada em que se metram com o problema no avião.

    ResponderExcluir
  7. Oiii
    Ameiiii a resenha!! Achei muito interessante a premissa do livro, e já que vai virar filme... Já dá um desejo a mais pela leitura. rsrsr Gosto muito de livros que trazem essa carga emotiva e falam de perdoar, e de principalmente de perdoar a si mesmo. Espero ter contato com a obra o quanto antes! A capa está perfeita e transmite muita calma (não sei se só pra mim). Beijosss!!

    www.facesemlivros.com

    ResponderExcluir
  8. Olá, tudo bem?
    Gente, como assim comerem o cachorro também? Eles comeram o piloto? o.O
    Gostei da premissa da obra, já estou shippando, ainda mais se for o Idris Elba, adoro ele haha
    Espero poder ler o livro antes do filme sair. Beijos <3

    ResponderExcluir
  9. Adorei, parece ser um livro muito bom! E já estou ansioso para ler e ver a adaptação! ><

    Abraços e até!

    lendoferozmente.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Olá,
    Desde o lançamento da obra que quero fazer a leitura mas ainda não consegui!
    A premissa é bem interessante e quero conferir como Ben e Ashley conseguirão escapar dessa situação complicada e claro que concordo com você que o cachorro não pode morrer kkkk
    Estou bem curiosa quanto as revelações que te emocionaram e também para conferir o trabalho feito na adaptação!

    http://leitoradescontrolada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Olá,
    Acho que o mais importante num livro de drama é conseguir mantes o "clima" dramático sem ficar parado, coisa que este pelo visto não consaeguiu. O que é uma pena. Mas gostei das mensagens sobre superação que são transmitidas.

    http://euinsisto.com.br

    ResponderExcluir
  12. Oie
    quero muito ler o livro e espero conseguir em breve e gostar bastante pois além da sua vi várias resenhas que indicam á todos, então quem sabe eu não adore também, belo enredo. Não fazia ideia que ia ter adaptaçãooooo

    beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. LI um dia desses uma resenha desse livro também, confesso que fiquei bem interessada, mas não o bastante para correr ler, pois não faz meu estilo de livro, fico com medo de não me atrair tanto durante a leitura. Mas bem legal a escolhas dos atores!!! Flores no Outono 

    ResponderExcluir
  14. Esse livro é sensacional ne? Eu fico louca pra ler... Tive a oportunidade de comprá-lo no natal, pq ganhei cupons no meu aniversário, mas pra vc ter ideia, o preço dele dava pra comprar outros dois que eu tb queria muito, tive que deixar pra uma próxima.. não tive arrependimento!!! mas queria ter comprado esse tb... um romance incrivel cheio de história, profundo..... era o que eu precisava agora!
    bjss

    ResponderExcluir

Google+ Followers

Tecnologia do Blogger.